Metodologia agile: entenda o que é e como usar no RH da empresa3 minutos de leitura

Devido à maior presença da tecnologia digital no dia a dia das empresas e da população, boa parte das decisões dentro do setor de Recursos Humanos precisa ser tomada de forma rápida, precisa e eficiente. Nesse contexto, as práticas tradicionais de trabalho não têm a mesma eficácia. Para manter o desempenho, uma boa opção é integrar a metodologia agile a seus processos.

Para aqueles que não conhecem, “agile” (ou apenas “ágil”) é um método originado no desenvolvimento de softwares. Ele é focado em interações curtas, as quais devem gerar o máximo de valor para o cliente. Além disso, é possível entregar o produto final a partir das primeiras interações.

Quer entender melhor essa metodologia e como ela se aplica ao setor de RH? Então, continue a leitura!

De que forma funciona a metodologia agile?

A maneira mais simples de descrever o método agile é remetendo a uma série de pequenos projetos que se agregam. Na verdade, trata-se de uma inovação não apenas metodológica, mas cultural dentro do setor.

Primeiramente, são estabelecidas as principais demandas do cliente final, as quais são colocadas em ordem de prioridade. A partir daí, as primeiras demandas são focadas até que estejam devidamente concluídas.

Desde a primeira interação, a ideia é que o serviço atinja um nível minimamente aceitável para ser entregue, caso outras demandas não possam ser atendidas. As demais interações focam em outros objetivos que agreguem valor ao produto final, mas tendo em mente que alguns deles podem ser descartados se o prazo chegar ao fim.

Como o setor de RH pode utilizá-la?

Seguindo esses princípios, como a área de Recursos Humanos pode se beneficiar com a metodologia agile? Veja alguns exemplos abaixo.

Melhor gestão de tarefas

Uma das lições mais importantes dessa metodologia é a priorização de tarefas, sempre pensando na perspectiva do cliente final — que, para o setor de RH, pode ser a própria empresa ou a gestão de outro setor. Tendo essa premissa em mente, fica bem mais fácil administrar o tempo da sua equipe e focar em tarefas que gerem mais valor para o negócio.

Foco em objetivos concretos

Outra premissa da metodologia agile é que, para conseguir medir seu progresso, cada tarefa deve ter um objetivo bem definido. Sem isso, o ponto de conclusão se torna muito subjetivo, o que pode causar alguma desorientação dentro da equipe. Quanto mais concretas forem suas metas, mais fácil será a gestão de performance.

Otimização do processo seletivo

Para uma aplicação mais prática, o agile pode ajudar muito com o processo de contratação de novos colaboradores. Você pode estabelecer um número X de entrevistas com candidatos até certa data, por exemplo.

Se uma quantidade suficiente se qualificar para a próxima etapa ou mesmo para a contratação, seja por experiência profissional ou outros quesitos, você já pode avançar. Caso contrário, é feita uma nova interação com outros candidatos que estavam na fila.

Agora que você entendeu como funciona a metodologia agile, é hora de começar a aplicá-la em seu trabalho de RH. Se o método for bem implementado, logo será possível perceber os efeitos positivos em sua produtividade.

O que achou do conteúdo? Tem alguma dúvida ou precisa de auxílio? Deixe seu comentário!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo