Qual é a importância e o papel do psicólogo no RH da empresa?3 minutos de leitura

Quando falamos em psicologia, a primeira associação que muitas pessoas fazem é com o trabalho do terapeuta em clínicas e consultórios. No entanto, o papel do psicólogo é muito mais amplo e pode ser bastante útil para o RH das organizações.

A psicologia organizacional é essencial para o setor de recursos humanos, uma vez que o psicólogo é um profissional capacitado para lidar com emoções, reconhecer traços de personalidade, entre outras ações que envolvem o capital humano.

Para que você entenda qual é a importância e qual é o papel do psicólogo no RH da empresa, criamos uma lista com as suas principais atribuições. Confira!

Recrutamento e seleção de pessoal

O psicólogo tem um papel fundamental no recrutamento e seleção de pessoal. É ele o responsável por verificar currículos, conduzir entrevistas e analisar quais dos candidatos têm mais chances de crescer na empresa.

Nas entrevistas, o psicólogo pode alinhar o que exige da vaga com os traços de personalidade. Assim, as contratações não serão feitas apenas de acordo com a formação acadêmica de cada pessoa — mas, sim, embasadas na presença de um fit cultural com a organização.

Treinamento e desenvolvimento

Não basta apenas contratar os funcionários e já designá-los para as funções que vão exercer, sem oferecer nenhum tipo de preparo. Por isso, os psicólogos também podem participar de treinamentos para o alinhamento das novas competências exigidas pela organização.

Para pessoas que ocuparão cargos de liderança, por exemplo, é preciso que sejam desenvolvidas soft skills específicas a esse tipo de posição.

Avaliação psicológica

As avaliações psicológicas podem ser feitas por meio de conversas e aplicações de testes que coletam informações e cruzam dados, proporcionando relatórios completos sobre cada profissional.

Assim, é possível conversar com os colaboradores para orientá-los sobre o que eles podem desenvolver para crescer na empresa.

Entrevista de desligamento

A entrevista de desligamento é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum nas organizações. Trata-se de uma conversa que o psicólogo tem com os colaboradores que estão deixando o seu cargo.

A ideia é que o funcionário que está se desligando possa falar sobre os motivos que o levaram a pedir demissão. Como não terá mais nenhum compromisso com a empresa, ele poderá ser sincero e comentar questões delicadas, que ajudem em melhorias de processos para evitar o turnover.

Compreender o papel do psicólogo no RH da empresa é uma prática relevante, uma vez que esse profissional é extremamente importante para o pleno desenvolvimento do setor e da organização como um todo.

Quer saber mais sobre a atuação do profissional da psicologia no setor de recursos humanos? Recomendamos a leitura de nosso artigo “Como um psicólogo pode tornar o RH de uma empresa mais estratégico?”, que traz mais informações relevantes sobre  o assunto.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo