Foco em resultado: saiba como criar indicadores de desempenho na empresa3 minutos de leitura

A gestão de pessoas deve ser realizada com eficiência para garantir a produtividade e o desenvolvimento profissional dos colaboradores. Para isso, é fundamental contar com indicadores de desempenho.

Eles oferecem um relato da situação atual e apontam quais pontos precisam de desenvolvimento, facilitando o acompanhamento regular do gestor. Com a análise correta desses indicadores, os gestores conseguem acompanhar os processos, bem como a evolução do desenvolvimento organizacional.

Apesar dessas vantagens, eles ainda são um obstáculo para muitos profissionais de recursos humanos. Pensando nisso, neste post vamos falar de 6 indicadores de desempenho que a sua empresa deve acompanhar. Continue lendo e descubra quais são:

Absenteísmo

O absenteísmo nada mais é do que as horas desperdiçadas no trabalho, como faltas, atrasos, saídas antecipadas, entre outros motivos. O cálculo é bem simples: basta pegar o total de horas perdidas, dividir pelo total de horas trabalhadas e multiplicar por 100.

Investimento em treinamento

Investir em treinamentos é uma das ferramentas que a empresa tem à sua disposição para incentivar o desenvolvimento dos colaboradores. Este indicador mostrará o custo real desses investimentos e permitirá também acompanhar sua evolução ao longo do tempo.

Os treinamentos podem ser tanto internos como externos e as duas formas devem ser levadas em consideração na hora de calcular o indicador. Para encontrá-lo, basta dividir o total gasto com treinamentos ao longo do mês pelo número total de funcionários.

Índice de rotatividade (turnover)

O índice de turnover indica a rotatividade dos colaboradores na empresa, ou seja, a frequência com que colaboradores antigos saem e novos os substituem. Os principais motivos de turnover alto são:

  • clima organizacional;
  • falhas no recrutamento e seleção;
  • remuneração inadequada;
  • insatisfação com a empresa; 
  • política interna.

O cálculo do indicador é feito com a seguinte fórmula:

(Número de demissões + número de admissões/2) / Número de funcionários ativos

Investimento em Admissão

O custo da admissão de colaboradores geralmente é alto para as empresas, então deve ser bem analisado e acompanhado de perto.

Horas extras

O gestor deve acompanhar o orçamento da empresa e ajudar o financeiro com a redução dos custos. Este indicador poderá auxiliar a acompanhar as horas extras realizadas e verificar o impacto na folha de pagamento. Seu cálculo é feito com a seguinte fórmula:

Número de horas extras realizadas / Total de horas trabalhadas X 100

Headcount

O headcount é o número de pessoas que trabalham na empresa ou setor. Este indicador é importante para avaliar a evolução do número de colaboradores da empresa e sua real necessidade.

Os indicadores de desempenho podem ser calculados individualmente por colaborador, por setor ou por toda a empresa. Para o melhor gerenciamento de pessoas, é preciso que sejam acompanhados por setor e por toda a empresa, mas esta análise deve ser feita pelo gestor.

Agora que você já conhece esses indicadores, comece a calculá-los e acompanhá-los para entender melhor a importância deles no progresso de sua empresa.

Quais indicadores de desempenho você usa ou vai usar na sua empresa? Conte para a gente nos comentários!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo